Piloto de parapente sobrevive após ser jogado contra moto durante temporal em SP – Nova FM

Piloto de parapente sobrevive após ser jogado contra moto durante temporal em SP

Acidente aconteceu em São Vicente, no litoral de São Paulo, durante tempestade com rajadas de vento de 83 km/h. Ele foi socorrido e passa bem.

Um praticante de voo livre despencou do céu após ser atingido por uma tempestade que tomou conta dos céus da Baixada Santista. O acidente aconteceu na orla de São Vicente, no litoral de São Paulo, e foi registrado por um morador de um prédio. O piloto foi socorrido com ferimentos leves.

O acidente aconteceu durante a tempestade que atingiu a região na tarde de quinta-feira (7) e o vídeo foi obtido pelo G1 na manhã desta sexta-feira (8). Houve alagamentos e quedas de árvores. Rajadas de vento de até 83 km/h também foram registradas e quatro homens foram socorridos após ser atingidos por uma descarga de raio.

Nas imagens, gravadas momentos após o salto do praticante, é possível ver a aproximação da tempestade e notar o vendaval. Primeiro, o piloto tenta se estabilizar no ar, mas devido à força das rajadas, acaba sendo empurrado para o lado contrário e perde o controle da direção.

Sem saída, e com medo de cair, ele aciona o paraquedas reserva que amortece a descida. No vídeo, é possível ver o exato momento em que ele toca a Avenida Manoel da Nóbrega, sentido Centro. Carros percebem a situação e reduzem a velocidade, ligando o pisca alerta.

no momento da queda, o praticante chegou a atingir um motoqueiro que passava pelo trecho. Outros praticantes que o aguardavam na área usada para pousos o socorreram e acionaram equipes de resgate para os primeiros socorros.

Segundo a Secretaria de Saúde (Sesau) da cidade, o praticante foi socorrido e levado ao Hospital Municipal da cidade, com lesões superficiais, e foi submetido a atendimento médico. Mesmo com o susto, ele passa bem. A administração não relatou se o motoqueiro se feriu.

Tempestade

Após temperaturas de 32ºC, nuvens carregadas escureceram o céu da região por volta das 15h de quinta-feira. Segundo o Grupo de Eletricidade Atmosférica (Elat), do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), 4.565 raios caíram na região durante a tempestade. Pelo menos 86,5 mil imóveis ficaram sem energia elétrica, segundo a CPFL e Elektro, concessionárias que atuam na região.

Em Guarujá, quatro homens que estavam em uma marina foram resgatados conscientes depois de sentirem a descarga elétrica de um raio que atingiu uma sala onde estavam. Em Santos, uma embarcação virou em frente à Ilha Barnabé, no canal do complexo portuário. Um tripulante se salvou e foi resgatado por uma lancha. Ele passa bem.

São Vicente e Cubatão sofreram com pontos de alagamento e a queda de dezenas de árvore. Uma delas, de grande porte, caiu na altura do Km 60 da Rodovia Anchieta, e chegou a interditá-la completamente. Em Praia Grande, parte do teto do Litoral Plaza Shopping e o revestimento do Palácio das Artes também vieram abaixo. Ninguém se feriu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *